Área do Cliente
 
Assercon > Informes  > DIRPF x DME – Cruzamento da Receita começa dar resultado – Parte 2

DIRPF x DME – Cruzamento da Receita começa dar resultado – Parte 2

Quem está obrigado a DME?

A DME atinge às pessoas físicas e jurídicas.

Periodicidade e prazo de entrega da DME

A DME tem periodicidade mensal e o prazo de entrega vence no último dia útil do mês subseqüente ao mês do recebimento dos valores em espécie.

Acesso a DME

O acesso a DME é sempre feito por certificado digital e-CPF ou e-CNPJ. Quando a informação for prestada por representante legal de terceiros, além do e-CPF ou do eCNPJ do representante legal, também se exige procuração eletrônica.

DIRPF X DME

As informações prestadas na DIRPF ano-calendário de 2018, cujo prazo de entrega venceu dia 30 de abril deste ano, já estão passando por cruzamento com a DME e gerando inconsistências para o contribuinte justificar.

Se na DIRPF referente ao ano de 2017 não havia sido declarado nenhum valor em espécie e a partir de 2018 a DIRPF foi transmitida com valores você pode ter de prestar contas ao fisco.

Exemplo que podem gerar inconsistência na sua Declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física

1 – A pessoa física declarou que recebeu em 2018 a título de distribuição de lucros a Importância de R$ 570 mil reais, no entanto, não há movimentação bancária que suporte este valor e também não foi entregue a DME.

2 – Vendeu um imóvel na Importância de R$ 450 mil reais, com recebimento a vista, não há movimentação na sua conta bancária deste valor e também não foi declarado na DME.

3 – Vendeu um veículo na Importância de R$ 60 mil reais, com recebimento à vista em espécie.

Se você acha que os profissionais da contabilidade “fazem terrorismo”, quando orientam sobre as obrigações e cruzamentos, confira exemplo de aviso de Inconsistência emitido pela Receita Federal:

Confira exemplos:

1 – JoãoX recebeu em dinheiro de uma mesma pessoa jurídica a soma de R$ 32 mil reais;

2 -JoãoX recebeu em dinheiro de uma mesma pessoa física a soma de R$ 30,5 mil reais; e

2 -JoãoX recebeu em dinheiro de uma mesma pessoa física a soma de R$ 29 mil reais.

Agora identifique se JoãoX, pessoa física deveria ter informado os recebimentos na DME:

Multas relacionadas à DME

Deixou de entregar a DME ou entregou fora do prazo? Confira os valores das multas

Enfim, se você recebeu aviso da Receita Federal sobre inconsistência em sua DIRPF ano-calendário 2018,  analise para verificar a necessidade de retificar a declaração ou se é o caso de entrega da DME.

Atenção: Pessoa Física se você acha que só deve procurar um contador no período de entrega da DIRPF, vale a pena repensar. Pois você pode estar deixando de informar valores mensais à Receita Federal e quando descobre já está incorrendo em multas.

Dúvidas, consulte seu contador, o parceiro certo para o seu negócio!

Fonte: https://www.contabeis.com.br

Autora: Josefina do Nascimento 

Que receber nossas novidades por e-mail?

Assine nossa newsletter e receba em primeira mão todas as novidades que preparamos pra você.

Holler Box